RH

Saiba tudo sobre diversidade e inclusão nas empresas

Por Da redação · 24 ago 2023
Compartilhe
Imagem não encontrada
Imagem não encontrada
Imagem não encontrada

Diversidade e inclusão nas empresas são questões que precisam ser consideradas pelos empregadores e pelo time de RH. Afinal, qualquer estratégia para elevar o capital humano da empresa e refletir a responsabilidade social da companhia envolve um quadro diversificado de funcionários.

Imagem não encontrada

Apesar do assunto estar em voga, há um longo caminho a ser percorrido no desenvolvimento de políticas e culturas avançadas em diversidade e inclusão.

Segundo a Pesquisa Global de Diversidade, Equidade e Inclusão da PwC, 85% das empresas afirmaram ter a diversidade como valor declarado ou como prioridade. Entretanto, apenas 5% delas possuem programas estruturados e maduros nesse sentido.

Tais dados revelam a necessidade de abordar o assunto com profundidade. Por isso, preparamos este guia com tudo sobre diversidade e inclusão nas empresas, partindo dos conceitos até chegar à prática e construção de uma política organizacional diversa e inclusiva. Confira!

O que é diversidade e inclusão?

Apesar de se relacionarem, diversidade e inclusão são conceitos que têm suas diferenças. Diversidade está ligada à ideia de variedade, pluralidade de identidades, culturas e perspectivas. Já a inclusão trata do respeito e integração de pessoas diversas.

Ou seja, não há inclusão sem diversidade e pouco adianta a diversidade em um contexto não inclusivo. É justamente por isso que diversidade e inclusão são ideias referenciadas comumente juntas e pensadas como uma única área e estratégia. Vamos nos aprofundar um pouco mais nesses conceitos?

O que é diversidade?

Se recorrermos ao dicionário, encontraremos como correspondentes de “diversidade” definições como: variedade, multiplicidade, abundância, aquilo que é diverso, diferente, oposto. Portanto, a diversidade está sempre conectada a esse caráter plural de um determinado grupo ou conjunto.

Imagem não encontrada

Como espécie, sociedade e ecossistema, esbanjamos diversidade, e não é preciso muito esforço para encontrar evidências claras e concretas disso. Dentro do recorte da vida humana, por exemplo, existem diferentes tipos de diversidade ou esferas em que ela pode se expressar.

Etnia

O Brasil é um dos países mais etnicamente diversos do globo. Há uma forte presença de imigrantes em nosso território e, por isso, uma rica miscigenação de povos em nossa história.

Ainda assim, o preconceito racial existe em solo brasileiro e a disparidade entre pessoas brancas, pardas e pretas no mercado de trabalho é alarmante.

De acordo com dados do relatório Desigualdades Sociais por Cor ou Raça no Brasil do IBGE, a população branca tem mais acesso à educação, além de melhores oportunidades de emprego. Enquanto isso, pardos e pretos são maioria nas estatísticas de pobreza, desemprego e homicídios.

Por trás desses números, resta a urgência de combater o preconceito e a desigualdade. Oferecer mais espaço para pessoas pardas, pretas, indígenas e amarelas nas organizações, nos mais diferentes níveis e segmentos, é extremamente necessário.

Gênero

A disparidade de gênero também é significativa. Nesse sentido, a diversidade precisa ser cultivada no ambiente empresarial, tanto para equiparar os direitos e oportunidades entre homens e mulheres quanto para incluir pessoas transgênero e não binárias.

Segundo o IBGE, as mulheres são maioria e mais escolarizadas, mas têm menor inserção no mercado de trabalho e na vida pública, em geral. Além de ganharem cerca de 20% menos para exercerem a mesma função.

Conforme uma pesquisa realizada pela Unesp, 2% da população adulta brasileira são pessoas trans ou não binárias. Isso corresponde a 3 milhões de pessoas que merecem e precisam ser vistas, respeitadas e consideradas.

Orientação sexual

A orientação sexual é outra grande promotora de diversidade, que também demanda inclusão por parte das empresas. Pessoas de diferentes orientações precisam ser consideradas para cargos com base apenas em suas experiências e habilidades, sem nenhum tipo de preconceito envolvido.

Pessoas com deficiência

Pessoas com deficiência (PCDs) são estigmatizadas e invisibilizadas em muitas esferas da sociedade. Para evitar que isso aconteça no mercado de trabalho, é fundamental que as empresas abram vagas para PCDs.

Mas não apenas abrir, como também viabilizar as adaptações necessárias para tornar a organização acessível e verdadeiramente inclusiva para este grupo.

Religião

A diversidade étnica do nosso país se reflete em uma ampla variedade religiosa. A liberdade de crença é prevista na Constituição e, portanto, deve ser garantida pelos empregadores e empresas. Apesar disso, os casos de intolerância religiosa no Brasil têm crescido nos últimos anos.

Idade

A idade também pode ser uma fonte de diversidade nas empresas, considerando o convívio de gerações e as trocas e resultados que surgem a partir disso.

Um time diverso em termos de idade pode se tornar mais rico culturalmente e render uma experiência agregadora para os membros e para o negócio. Por outro lado, o etarismo (preconceito de idade) traz apenas limitação e ainda mais desigualdade.

O que é inclusão?

Inclusão é o ato de incluir, ou seja, considerar, acrescentar. No contexto social, a inclusão envolve o reconhecimento da diversidade, a criação de espaços de acesso e acolhimento, e o combate de preconceitos e desigualdades.

Já no contexto corporativo, a inclusão trata da inserção, valorização e equidade entre todas as pessoas de um time, independentemente de sua classe social, gênero, educação, idade, deficiência, raça ou religião.

Como a ausência de inclusão impacta no ambiente de trabalho?

O contrário de um ambiente de trabalho inclusivo é um cenário de exclusão. Nele, os preconceitos ditam a dinâmica das relações e as pessoas seguem sendo discriminadas.

Diante disso, o ambiente se torna hostil e menos produtivo e satisfatório para as pessoas, mesmo aquelas que não são alvo direto de intolerâncias e segregações. O impacto da ausência de inclusão pode ser percebido não apenas na cultura e no clima organizacional, mas também na imagem e nos resultados da empresa.

Qual o papel do RH na criação de uma cultura diversa e inclusiva na empresa?

A urgência de falar e investir em diversidade e inclusão nas empresas é inegável. E, nesse contexto, o papel do RH é crucial na criação de uma cultura diversa e inclusiva.

Imagem não encontrada

É desse departamento que parte a estruturação de políticas de diversidade e inclusão, o fomento a essa cultura e o acompanhamento e desenvolvimento do time nesse sentido.

O RH pode mapear as diversidades e demandas de inclusão da organização, além de definir diretrizes, indicadores e processos inclusivos para a admissão e gestão de pessoas. Realizar treinamentos, feedbacks e integrações voltadas para esse propósito também entra no pacote.

Outro ponto fundamental que deve fazer parte das prioridades do RH é o engajamento das lideranças na criação dessa cultura de diversidade e inclusão.

Qual o papel da liderança no desenvolvimento de um ambiente diverso e inclusivo?

Os líderes também têm um papel fundamental no desenvolvimento de um ambiente diverso e inclusivo. À medida que ocupam um lugar de influência, podem incentivar, respeitar e valorizar as diversidades em seus times, servindo de exemplo para os demais colaboradores.

Além disso, também podem ser figuras de representatividade e autoridade, inspirando pessoas a aspirarem promoções e oportunidades na empresa, e garantindo que nenhuma discriminação seja alimentada e passe impune.

Por que investir em políticas de diversidade e inclusão?

Dentre os brasileiros, 30% afirmam já ter sofrido preconceitos por causa da sua classe social, segundo uma pesquisa do Datafolha. Outros 26% disseram ter sofrido por sua religião, 24% por seu gênero e 22% por sua cor ou raça.

Ou seja, mesmo em um país diverso como o nosso, ainda há um nível significativo de intolerância e discriminação.

Investir em políticas de diversidade e inclusão é importante, antes de qualquer coisa, para combater esse problema social. Com isso, constrói-se uma realidade mais acolhedora, segura e justa para todas as pessoas.

Além disso, um ambiente de trabalho diverso e inclusivo é vantajoso em muitos aspectos, beneficiando os profissionais e os negócios.

Importância da diversidade nas empresas

Promover diversidade e inclusão é parte da responsabilidade social das organizações. Afinal, as pessoas têm direito de ser e se expressar da forma que fizer mais sentido para elas. E as empresas devem acolher essa pluralidade em suas equipes.

Mas, mais que isso, uma cultura diversa e inclusiva é uma vantagem competitiva: uma ferramenta de atração e retenção dos melhores talentos, uma alavanca para os resultados, a inovação e o crescimento de um negócio. Afinal, a diversidade de culturas e ideias leva a soluções e atitudes mais criativas, positivas e eficientes.

Um estudo da consultoria McKinsey revelou que empresas com maior diversidade de gênero são 21% mais propensas a ter lucratividade acima da média. Já empresas com maior diversidade étnica possuem 33% mais chances de obterem uma margem de lucro superior.

E como criar iniciativas de diversidade e inclusão?

A disposição a abraçar diferentes causas é o primeiro passo para criar iniciativas que realmente funcionem. Veja o que você pode colocar em prática na empresa para torná-la mais diversificada e inclusiva:

Crie espaço para grupos de afinidade

Criar espaços para quem lida histórica e diariamente com o preconceito é outro excelente motivo para investir em políticas de diversidade e inclusão.

Se queremos um futuro em que haja mais respeito e igualdade na nossa sociedade, precisamos começar a mudança hoje, nos espaços que integramos e nas relações que cultivamos.

Quando todos têm espaço, voz e oportunidades, as perspectivas se ampliam e as empresas ganham dimensionalidade em sua atuação.

Aumente a satisfação e o bem-estar dos colaboradores

Desenvolver e empoderar pessoas é um dos propósitos do emprego, mas isso não acontece apenas nos âmbitos técnico e financeiro. Trabalhar em um ambiente diverso e inclusivo é uma experiência rica, que possibilita várias trocas e aprendizados, e não limita a autoexpressão.

A partir disso, os colaboradores se sentem mais confortáveis e integrados, e têm condições de cumprir sua função com motivação e confiança. Como resultado, temos o aumento da colaboração e sinergia entre os times, e do bem-estar dos trabalhadores como um todo.

Melhore a forma como a empresa é reconhecida

A diversidade e inclusão também reflete na imagem da empresa diante de outros profissionais e do mercado em geral.

Uma companhia diversa e inclusiva demonstra se preocupar com as pessoas acima do próprio lucro e crescimento. Além, é claro, de estar alinhada com a realidade da nossa sociedade e aberta para mudanças e diferentes modos de pensar e agir.

Exemplos de inclusão e diversidade dentro das empresas

Que tal conhecer alguns exemplos de diversidade e inclusão nas empresas? Assim, você poderá conferir mais motivos e ideias para investir nessa política.

Veja o case do Itaú e entenda como a instituição aposta em diversidade e inclusão para fortalecer sua cultura organizacional. Confira também como a Mondelez Brasil adotou diversidade e inclusão como pautas estratégicas e os retornos que obteve com essa ação.

Inspire-se com as práticas de DE&I (diversidade, equidade e inclusão) de grandes empresas como BASF, ArcelorMittal, GE HealthCare, Vale e Mastercard.

Como tornar minha empresa mais inclusiva?

Assim como existem inúmeros motivos para investir em diversidade e inclusão nas empresas, há também várias formas de colocar esses valores em prática no contexto corporativo. Abaixo, listamos as ideias que não podem ficar de fora da estratégia para tornar uma organização mais diversa e inclusiva:

Política de contratação com foco em diversidade

O primeiro passo para uma cultura mais diversa é a contratação de pessoas de diferentes grupos da sociedade. Portanto, repense as políticas e o processo de recrutamento e seleção, prezando pela inclusão e a diversificação do time.

Política de valorização e acolhimento

Além de trazer pessoas diversas para dentro, é preciso criar políticas para que elas sejam verdadeiramente incluídas. A cultura organizacional deve incluir práticas de valorização e acolhimento, assim como ações de integração, conscientização e combate ao preconceito.

Comitê de diversidade

Outra medida interessante é a criação de um departamento ou comitê de diversidade, voltado especificamente para tratar de pautas ligadas à diversidade e inclusão.

Desse modo, essas áreas terão a atenção devida e serão tratadas de forma horizontal, autônoma e personalizada.

Imagem não encontrada

Treinamentos e capacitações

Educação e conhecimento são o caminho para a dissolução de preconceitos. Portanto, investir em treinamentos e capacitações com esse foco é uma ótima forma de conscientizar as pessoas e fortalecer a cultura de diversidade e inclusão.

Benefícios flexíveis

Diversidade e inclusão só existem quando há liberdade e adaptação, a partir do reconhecimento das diferenças e do esforço de contemplar todas elas.

Nesse sentido, uma empresa diversa e inclusiva repensa seus benefícios e oferece flexibilidade para que os colaboradores possam usufruir deles conforme suas necessidades e realidade.

A Flash Benefícios oferece um cartão de benefícios flexíveis ideal para esse cenário. Com ele, você tem a possibilidade de gerenciar os valores a serem oferecidos para cada funcionário nas diversas categorias – através dos saldos exclusivos!

Isso sem falar que você pode oferecer vários benefícios em um único cartão. Vale-alimentação e vale-refeição, auxílio-mobilidade, vale-cultura, tudo na palma da mão!

Imagem não encontrada

Leia mais conteúdos no blog:

+ 12 especialistas em diversidade e inclusão para seguir no LinkedIn

+ "Diversidade é jornada, não checklist", diz Maite Schneider, co-fundadora da TransEmpregos

+ Insights sobre atração, seleção e contratação focados em projetos de Diversidade e Inclusão

Cadastre-se agora e tenha Flash na sua empresa!

Assine a newsletter

Receba em primeira mão os melhores conteúdos sobre RH direto no seu e-mail.

Imagem não encontrada
Para empresasempresa@flashapp.com.br
Para Colaboradoresfalecom@flashapp.com.br
Imprensaflash@nectarc.com.br


CNPJ 32.223.020/0001-18

Inscrição no PAT 190679531

Rua Eugenio de Medeiros, 242, Pinheiros, São Paulo/SP, CEP: 05425000.

Rua Eugenio de Medeiros, 242,

Pinheiros, São Paulo/SP,

CEP: 05425000.