Saúde e bem-estar: benefícios do home office após pandemia de Covid-19

O mundo pós-pandemia promete continuar seguindo as tendências que trouxe nos últimos anos. Com uma reflexão mais voltada ao mercado de trabalho, é possível notar que grande parte das empresas focaram na transformação digital e agora vão poder aproveitar os benefícios do trabalho remoto e da tecnologia nos processos.

A economia se recupera a passos lentos e a informalidade – que segundo o IBGE era de 70% no primeiro trimestre de 2021 – agora cai para 54% em 2022. Os novos postos de trabalho formais atingem diversos setores promissores, como o de prestação de serviços e o da tecnologia da informação.

Enquanto as empresas que mantiveram suas atividades intactas pensam no que fazer em relação às formas de trabalho e às mudanças no comportamento dos consumidores, as empresas que estão sendo criadas começam a entender que a flexibilidade e o uso da tecnologia já são esperados por parte do mercado e dos candidatos.

Veja, neste artigo, o que as mudanças da pandemia, junto à inclusão do home office, podem fazer pela saúde e bem-estar dos colaboradores!

Saúde e bem-estar: vantagens do home office

O home office pode trazer diversos benefícios para as empresas e para os colaboradores. De um lado, o negócio pode aproveitar o aumento da produtividade e a redução de custos que o trabalho remoto proporciona e, por outro, os colaboradores têm acesso a uma maior liberdade e flexibilidade ao não ficarem presos ao modelo presencial.

Produtividade

Em 2021, a Gartner fez uma pesquisa e constatou que a produtividade é maior quando os colaboradores trabalham a partir do home office. A maior parte dos entrevistados afirmou que a flexibilidade da jornada era a razão pela qual os resultados em produtividade estavam sendo maiores.

Esse é um motivo para ser comemorado pelas empresas, já que o receio de que o trabalho fora do escritório “não renderia” era muito grande. 

A grande questão aqui é que, mesmo que o fator produtividade aumente, a qualidade de vida dos colaboradores não pode cair, ou essa vantagem se torna um grande problema no futuro. 

Dessa forma, para equilibrar as coisas, muitas empresas apostam nos benefícios flexíveis, como o Auxílio Home Office, e em benefícios ligados à saúde e bem-estar mental dos colaboradores.

Redução de custos

A redução de custos ao retirar os colaboradores dos postos de trabalho físicos foi muito importante para que diversas empresas conseguissem manter as suas atividades e fazer trocas inteligentes com os colaboradores.

Já que o benefício do vale-transporte acabou não sendo mais tão relevante, as empresas que tinham benefícios flexíveis conseguiram trocá-lo por outros que fizessem mais sentido para as equipes. 

Esse tipo de ação faz com que os colaboradores fiquem mais satisfeitos e melhora o employee experience nas empresas, além, é claro, de dar mais suporte para que eles possam cuidar da saúde física e mental por meio da escolha de benefícios flexíveis voltados a essa área.

Liberdade

A liberdade também é um grande benefício do home office! Algumas empresas levam isso tão a sério que permitem que os colaboradores trabalhem menos horas, desde que apresentem indicadores tão positivos quanto os da jornada integral.

Em relação aos horários, o home office também permite, em diversos casos, que os colaboradores escolham o momento do dia em que são mais produtivos para trabalhar. Alguns preferem a manhã, outros optam pela noite e, no final, todos ficam satisfeitos, ganham qualidade de vida e a empresa alcança resultados melhores.

Flexibilidade

Por fim, temos a flexibilidade do home office, que também aparece em outros modelos de trabalho parecidos. Atualmente, o conceito de anywhere office vem ganhando espaço entre as empresas mais disruptivas, que permitem que os colaboradores trabalhem em suas casas, em escritórios de coworking, lanchonetes, na própria sede da empresa e por aí vai…

O grande diferencial é que eles podem escolher de onde trabalham, ganhando mais espaço para viajar ou ficarem mais próximos da família, por exemplo. Isso melhora a qualidade de vida dos colaboradores e permite que as doenças ocupacionais relacionadas à saúde mental, por exemplo, sejam reduzidas. 

Gostou do conteúdo? Continue no blog da Flash para saber mais sobre os benefícios flexíveis!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.